Quer receber nosso Informativo Lula Livre? Assine a nossa newsletter.

Informativo #27


Ainda não acabou. Envie novo e-mail para o STF exigindo o reconhecimento da decisão da 2ª Turma

O Supremo Tribunal Federal (STF) vai prosseguir nesta quinta (22) com o julgamento para definir o foro correto para onde os quatro processos de Curitiba, no âmbito da Lava Jato, agora anulados, devem ser remetidos. Também deve ser votado o habeas corpus da suspeição do ex-juiz Sergio Moro. Por isso, é muito importante a mobilização nas redes para exigir que seja afastada qualquer possibilidade de novas condenações contra o ex-presidente Lula. Envie o seu e-mail agora.


Entenda o que está na pauta do STF de quinta-feira, dia 22, às 10h

Essa semana o Supremo julga se o fato de considerar incompetente a 13° Vara Federal de Curitiba pode se sobrepor à suspeição do ex-juiz Sergio Moro. Neste caso, a decisão abarcaria três processos anulados por Fachin – com exceção do “caso triplex”, julgado pela Segunda Turma e no qual Moro já foi considerado suspeito.


Nota: Justiça para Lula é esperança para o Brasil

Nota do Comitê Nacional reafirma que qualquer manobra para restringir os direitos políticos de Lula servirá para aqueles que têm outros objetivos que não coadunam com os interesses do povo e do Brasil, aprofundando a crise política, econômica e social a serviço das forças neofascistas coordenadas pelo governo de Bolsonaro ou de outros cúmplices na destruição nacional que nada faz diante da morte de milhares de brasileiros.

Saiba mais:


Solidariedade de classe para enfrentar o descaso do governo Bolsonaro

A fome aumenta e é agravada pela falta de auxílio emergencial em meio a pandemia mais severa da história contemporânea da humanidade. Enquanto isso, Bolsonaro cortou o auxílio tanto no número de beneficiados quanto no valor, que passou a ser de R$150. O ex-presidente Lula participou de campanha de arrecadação de alimentos e falou sobre isso. Assista

Leia mais


Não assistiu ao curta-documentário Submundo: a conspiração da Lava Jato contra Lula? Assista abaixo.